Diretor: Sebastião Lima
Diretor Adjunto: Luís Moniz
Últimas Notícias

“Um pai é eterno assim como um poema.”

Félix, Carla. Carla Félix no Facebook, Praia da Vitória, 6 de Fevereiro de 2022.

 Os últimos anos não têm sido fáceis para a ilha Terceira, e, muito especialmente, para o nosso concelho da Praia da Vitória. Numa terra linda, magnifica, mas difícil, os problemas económicos, muito acentuados pela redução continua da Base das Lajes, refletiram-se muito neste povo. Talvez por isso o desporto acabasse por ter muito destaque nos últimos anos. A Praia da Vitória pode orgulhar-se de diversos casos de sucesso a nível regional, nacional e até internacional! Sem referir clubes específicos podemos ver exemplos no voleibol, no judo, ténis de mesa, natação, basquetebol, futsal e futebol (desculpem se faltou algum). Aproveitamos para deixar um obrigado especial a todos os que dedicam o seu tempo e trabalham arduamente para estes sucessos. Sabemos bem o que é o associativismo voluntário e gratuito, e o custo pessoal que tem.

No caso particular do Sport Club Praiense, a vida não tem estado fácil. Durante alguns dos últimos anos o Praiense teve belíssimos jogadores e uma equipa de nível superior, que não atingiu outros patamares por razões que não interessa agora discutir. Só para relembrar o nosso Praiense esteve a vencer o Sporting Club de Portugal em Alvalade! É certo que as apostas por vezes pagam-se caro e os “Vermelhos” da Praia atravessam uma situação financeira difícil, mas certamente não impossível. Isso ficou provado pelo trabalho consistente da atual direção. E já agora, se os rivais de Angra (e de São Miguel), que somaram milhões de divida não fecharam, não acreditamos que será o Praiense a fazê-lo. Meus caros, o Praiense tem muito de bom e muito mais para dar à nossa terra! Realço que independentemente dos resultados da equipa sénior, a formação tem somado diversos títulos e formado bons atletas, e sobretudo seres humanos, fruto de uma equipa de atletas, dirigentes, treinadores, fisioterapeutas, etc. extremamente competente e organizada.

Mas não só por isso a vida do clube tem sido difícil. No último ano faleceram algumas vedetas que atuaram em épocas de ouro do clube, nomeadamente campeões Açorianos. Infelizmente, o ano de 2022 continua a trazer um sabor muito amargo neste campo. Este início do ano trouxe-nos a partida precoce de um ex-atleta doutros tempos, o Sr. Luis Alberto “Careca”, e ainda mais precocemente, e sem aviso, o falecimento súbito do presidente Roberto Andrade. Jornal da Praia lamenta profundamente a sua partida e endereça sentidos pêsames às famílias de ambos.

Não é hábito deste jornal referir pessoas em particular para não correr o risco de esquecer muitos outros Praienses e Terceirenses que muito deram à sua terra, e que, acompanhando o regular ciclo da vida, nos vão deixando. Contudo, como perceberão abaixo, “Jornal da Praia” não podia deixar de terminar este editorial com dois agradecimentos e um pedido.

Primeiro, e por ordem de idades, com um muito obrigado ao Sr. Luis Alberto “Careca” por nos ter deixado a sua talentosa filha e poetisa, responsável pela regular rubrica “Maré de Poesia”, que nos atrevemos a dizer, é o coração, o sentimento que equilibra o racionalismo deste jornal. Descanse em paz.

O nosso segundo obrigado vai para o Sr. Roberto Andrade, um amigo deste Jornal, Agente Principal da PSP, fundador e atual presidente do Grupo Desportivo do Centro Social do Juncal, presidente do Sport Club Praiense, e sobretudo um bom Praiense e Açoriano, que, no seu estilo acelerado de mil tarefas, até na morte quis bater muitos de nós… Jornal da Praia saúda tudo o que fizeste por esta terra, pelos desafios e sucessos, especialmente os desportivos, que ajudaste a conseguir. Infelizmente terão de ser outros a continuar o que começaste, mas estamos certos que não te irão desiludir.

Foram dois pais que faleceram, mas como escreveu a nossa Carla Félix, “Um pai é eterno como um poema”. Na falta de veia poética fica a singela homenagem escrita. Agora sim, terminamos com o tal pedido, e, perdoe-nos o Sr. Luis Alberto, mas o pedido vai para o Roberto, pois ele é que é o presidente! Arranja mais um lugar no camarote dos campeões ao Sr. Luis, e, se não for pedir muito, reserva-nos uns lugares na bancada central… Até breve, e levem convosco Aquele Abraço Praiense!

Luis Moniz, Diretor Adjunto

Pin It

Acerca do Jornal da Praia

Este jornal é um quinzenário de informação geral que tem por objetivo a divulgação de factos, opiniões, debates, ideias, pessoas, tendências, sensibilidades, em todos os domínios que possam ser importantes para a construção de uma sociedade mais justa, livre, culta, inconformada e criativa na Região Autónoma dos Açores.

Este jornal empenha-se fortemente na unidade efetiva entre todas as ilhas dos Açores, independentemente da sua dimensão e número de residentes, podendo mesmo dar atenção primordial às ilhas de menores recursos, desde que tal postura não prejudique a implantação global do quinzenário no arquipélago dos Açores.

Área do assinante