Jornal da Praia

PUB

Afirma Flix Rodrigues: Problemas laborais nas Lajes so culpa "dos portugueses"

Quarta, 22 de Julho de 2009 em Atualidade 905 visualizações Partilhar

Afirma Flix Rodrigues: Problemas laborais nas Lajes so culpa

O cabeça de lista do CDS-PP Açores às eleições para a Assembleia da República, Félix Rodrigues, afirmou, esta quarta-feira, que o problema dos trabalhadores portugueses da Base das Lajes não está “no lobo mau dos americanos”, mas do lado dos portugueses “que abandonaram os trabalhadores” e “falharam redondamente nas negociações” que tem sido mantidas com a Administração americana.
Para Félix Rodrigues, “o Governo de Portugal tem que olhar melhor para a Base das Lajes, porque esta Base é algo que serve o País, a Região e a ilha Terceira”.
“Curiosamente e durante muito tempo pensou-se que os americanos é que eram o lobo mau da questão e as pessoas diziam que se sentiam escandalizadas. Esta história do escandalizado é preciso justificar. E para resolver os problemas é preciso ouvir as pessoas e quem interesses directamente na matéria e quem tem interesse é o Concelho da Praia da Vitória, a ilha Terceira, os Açores e Portugal”, considerou.
O candidato às Legislativas de 27 de Setembro afirmou ainda que “não se pode abandonar os trabalhadores, como algumas forças políticas, inclusive a que está no Governo, o fez, com negociações que não são claras”.
Para o democrata-cristão açoriano “a parte militar da Base tem que ser sigilosa, mas a parte civil diz respeito a situações de justiça e congruência nas negociações” pelo que, acentua, “tem que ser do conhecimento público”.
Diz Félix Rodrigues que “não se pode negociar trabalho na Base das Lajes sem falar primeiro com os trabalhadores portugueses da Base, percebê-los e encontrar soluções que sejam legais, cumpram com aquilo que se acordou e quando os Estados Unidos da América não cumprirem a parte portuguesa tem que assumir”.
Isto porque, frisa o candidato centrista, “Portugal tem que assumir as suas responsabilidades”, uma vez que estão em causa “pessoas, trabalhadores portugueses, que tem direitos iguais a todos os outros cidadãos portugueses e que não podem estar vulneráveis a acordos mal feitos, tal qual o último acordo que se fez sobre a utilização da Base das Lajes”.
Feitas estas denúncias Félix Rodrigues alertou: “É inadmissível que com problemas desta natureza os Açorianos não votem nas próximas eleições, quando se tratam de questões fundamentais para o seu desenvolvimento. Portanto ficar em casa, quando temos montões de famílias dependentes da Base das Lajes, não votar ou votar nos mesmos é fazer a escolha que cada um merece ter em termos de governação”.
O cabeça de lista à Assembleia da República pelos populares ilhéus considera que “existe alternativa, existem soluções e as pessoas têm que escolher, mas têm de o fazer escolhendo dentro daqueles que tem uma visão mais alargada”.