Jornal da Praia

PUB

Município da Praia da Vitória congratula colégio Divertiláxia pela atribuição do prémio de educação financeira “Todos Contam”

Quarta, 19 de Fevereiro de 2020 em Atualidade 1199 visualizações Partilhar

Município da Praia da Vitória congratula colégio Divertiláxia pela atribuição do prémio de educação financeira “Todos Contam”

A Autarquia praiense felicitou o colégio Divertiláxia pela distinção a nível nacional do prémio “Todos Contam”, um galardão concedido anualmente aos melhores projetos de educação financeira previstos nas escolas em cada ciclo de ensino. A cerimónia oficial decorreu na sexta-feira,14, nas instalações desta entidade.

O Concurso “Todos Contam” é uma iniciativa do Conselho Nacional de Supervisores Financeiros (constituída pelo Banco de Portugal, Comissão do Mercado de Valores Mobiliários e Autoridade de Supervisão de Seguros e Fundos de Pensões) e do Ministério da Educação, através da Direção-Geral da Educação e da Agência Nacional para a Qualificação e o Ensino Profissional.

Para Tiago Ormonde, vereador com o pelouro da Economia, “este reconhecimento é extremamente importante para os dirigentes, sócios, corpo docente, funcionários, alunos e para todos os praienses, pois esta instituição, existente há quinze anos na Praia da Vitória, tem desenvolvido um ótimo trabalho na criação de métodos de ensino importantes para o pré-escolar. Este prémio, criado com o intuito de incentivar ações de formação financeira em contexto escolar, foi atribuído a uma entidade praiense, um acontecimento que muito nos orgulha”.

 “Partindo de um princípio de proximidade da Câmara Municipal com os estabelecimentos do ensino pré-escolar e do ensino básico do Concelho, sublinhamos a importância do desenvolvimento de projetos educativos que fomentem o conhecimento das nossas crianças. Neste sentido, destaco o projeto EDU. Links, a mais recente iniciativa da incubadora de empresas Praia Links, que assenta na promoção da literacia financeira, tendo por base a potenciação de uma cultura empreendedora”, salientou o autarca.

Este projeto, direcionado aos alunos do 2º e 3º ciclo do ensino regular e do ensino técnico-profissional, visa complementar as competências dos alunos nas áreas da literacia para negócios, do empreendedorismo, do trabalho em equipa e da utilização das novas tecnologias para a otimização de projetos e iniciativas.

 “Contamos com o apoio das escolas locais na promoção do projeto EDU.Links, pois acreditamos que é muito importante sensibilizar os mais pequenos para a importância do dinheiro, a sua poupança e também da relação complementar entre o investimento e o retorno do mesmo”, referiu o responsável municipal.

“Sabemos que nem todas as crianças serão empresárias no futuro, no entanto pretendemos, e mesmo assim, despertá-las para as diferentes realidades relacionadas com a literacia financeira e com o empreendedorismo”, concluiu.