Jornal da Praia

PUB

OUTONO VIVO PROMOVIDO NA FEIRA DO LIVRO DE LISBOA

Terça, 25 de Junho de 2019 em Cultura e Desporto 57 visualizações Partilhar

OUTONO VIVO PROMOVIDO NA FEIRA DO LIVRO DE LISBOA

O icónico Parque Eduardo VII, em Lisboa, acolheu de 29 de maio a 16 de junho, a 89.ª edição da “Feira do Livro de Lisboa”, que este ano bateu novo recorde com 138 participantes.

No âmbito da promoção da próxima edição do Outono Vivo (OV), o vice-presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Carlos Armando Costa, com o pelouro da Cultura, deslocou-se à capital, a fim de reforçar contactos institucionais, que envolveram autores, artistas e editoras nacionais, essenciais à valorização das potencialidades de um dos maiores eventos literários dos Açores, que ocorre anualmente na Praia da Vitória.

Por uma semana, foram dadas a conhecer as mais-valias deste certame junto de mais de 40 editoras, assim como de escritores nacionais. Deste modo, o Município integrou a sessão de abertura do evento e participou no programa “Sociedade Civil”, transmitido na RTP 2. Apresentado pelo jornalista Luís Castro, o painel contou com Manuel Valente (do Grupo Editorial Porto Editora) e João Tordo (escritor).

No sentido de contextualizar o evento, foi criada uma brochura alusiva ao mesmo onde constam as diferentes áreas de abrangência, nomeadamente a feira do livro, o teatro, as exposições, a música, as apresentações de livros, os workshops, as conferências e o cinema.

Segundo Carlos Armando Costa, “o Outono Vivo afirma-se, ano após ano, como um dos maiores eventos literários da Região, e isso resulta de um trabalho estratégico de promoção das potencialidades que o caracterizam. Refiro-me a reunirmos em dois espaços convergentes, a Academia de Juventude e das Artes da Ilha Terceira e o Auditório do Ramo Grande uma panóplia diversificada de atividades que enriquecem quem nos visita”.

“Acreditamos que este ano, na próxima edição, a décima quarta, vamos conseguir manter o patamar alcançado nos anos anteriores com diversas apresentações, espetáculos e formações que contarão com a participação de caras conhecidas nas artes, concretamente ao nível da televisão, ciência, teatro, cinema, literatura, empreendedorismo e ciências da programação. Isto passa também por reforçar a aposta na deslocação de atores e escritores às escolas do Concelho porque acreditamos que esta proximidade e convívio é fundamental e estimulante na promoção da cultural junto dos mais jovens”, adiantou o autarca.

CARTAZ E PROGRAMA OUTONO VIVO 2019

A edição de 2019 do festival literário e artístico “Outono Vivo” – a 14.ª – acontecerá de 25 de outubro a 10 de novembro, no quarteirão cultural da Praia da Vitória - Academia de Juventude e das Artes da Ilha Terceira e Auditório do Ramo Grande.

O programa bem como os nomes a participar nesta edição do OV estão em fase de elaboração, sendo certo para já, a participação da atriz Danielle Winits e a comemoração do centenário de nascimento de Sophia Mello Brayner

A atriz brasileira Danielle Winits, sobejamente conhecida do grande público pelos seus papéis principais em telenovelas da TV Globo como “A Próxima Vítima”, “O Clone” e “Páginas da Vida” marcará presença neste certame cultural. A atriz de 45 anos, subirá ao palco do Auditório do Ramo Grande para contracenar com Sara Freitas, natural da ilha Terceira e residente no Brasil, na peça de teatro “Depois do Amor - Um Encontro com Marilyn Monroe”.

“Contamos este ano com uma peça de teatro internacional protagonizada por Danielle Winits e Sara Freitas, a fim de reforçar a partilha de experiências no âmbito do OV. Acreditamos que esta diversidade cultural é fulcral à dinamização do evento”, disse o autarca.

“No sentido de enriquecermos o evento, e igualmente importante, são as comemorações dos 100 anos do nascimento de Sophia de Mello Breyner previstas no OV, dado que existe todo um legado que deve ser recordado por nós”, referiu.

GP-MPV/JP