Jornal da Praia

PUB

ALTERAÇÕES AO TRÂNSITO NA PRAIA DA VITÓRIA

Sexta, 28 de Dezembro de 2018 em No Concelho 100 visualizações Partilhar

ALTERAÇÕES AO TRÂNSITO NA PRAIA DA VITÓRIA

Entrar, sair e circular de carro no centro histórico da cidade da Praia da Vitória, segundo parecer do Conselho Municipal de Trânsito, vai passar a ser mais fácil, através de um conjunto de alterações ao trânsito e estacionamento, a implementar no fim de semana da Páscoa de 2019.

Este órgão consultivo do Município reuniu, na tarde de quinta-feira, 27 de dezembro, na Casa das Tias, e elogiou, de forma unânime, as alterações de trânsito no centro da cidade que foram apresentadas por Tibério Dinis, presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória.

“Apresentamos dois conjuntos de propostas de alteração ao trânsito no centro da Praia da Vitória que pretendemos que vejam a luz do dia no fim de semana da Páscoa de 2019, pois é um fim de semana em que a cidade terá menos movimento, devido às férias escolares. Temos um conjunto de alterações em torno da Praça Francisco Ornelas da Câmara e outro conjunto de alterações na entrada da cidade junto ao Tribunal e Largo Conde da Praia”, explicou o Autarca em declarações aos jornalistas, acreditando que “este conjunto de alterações permita uma melhor mobilidade no acesso e na saída” ao centro histórico da cidade.

Assim, partindo da Praça Francisco Ornelas da Câmara passará a ser possível sair para o lado do Auditório do Ramo Grande, com a inversão de sentido de trânsito da Rua Serpa Pinto e da Travessa Formosa, mantendo-se a possibilidade de circular no sentido inverso (Auditório Ramo Grande – Praça Francisco Ornelas da Câmara) através da reabertura ao trânsito da Rua Aniceto Ornelas, o que obrigará a ajustes no Largo João de Deus, nomeadamente a criação de um passeio pedonal suspenso sobre o areal da Praia da Grande e de uma nova escadaria de acesso à zona de banhos, que será dotada de novas infraestruturas de apoio, como balneários e casa de apoio aos nadadores salvadores, mantendo-se assim a extensão do passeio marginal pedonal.

Entretanto, a Rua Constantino José Cardoso, que atualmente só permite virar à direita na Rua do Hospital, passará a permitir acesso à Praça Francisco Ornelas da Câmara, através da reabertura de parte do troço desta via que também hoje está encerrado ao trânsito, “facilitando-se, assim, que quem está na Avenida Álvaro Martins Homem, junto ao edifício dos bares da Marginal, possa, mais facilmente, chegar até à Praça central da cidade e até sair da cidade pelo lado do Auditório do Ramo Grande”, explicou Tibério Dinis.

Por outro lado, quem descer a Rua Alexandre Ramos (em frente à Igreja Matriz), ao chegar ao entroncamento com a Rua dos Remédios (junto ao Auditório do Ramo Grande), poderá virar à esquerda (atualmente só é permitido virar à direita), de modo a que “este pequeno troço, até à Rua Serpa Pinto, tenha dois sentidos, facilitando o acesso novamente à Praça Francisco Ornelas da Câmara ou a saída da cidade para o lado do Cabo da Praia”, prosseguiu.

ENTRADA NA PRAIA

Outra “alteração significativa”, segundo Tibério Dinis, prende-se com a outra entrada principal na cidade da Praia da Vitória, nomeadamente pela Rua da Artesia e Largo da Luz (junto ao Tribunal e Lar D. Pedro V).

Aqui a Rua da Artesia passará a ter dois sentidos de trânsito, entre a Avenida Paço do Milhafre e o Largo da Luz. Entretanto, no Largo da Luz (que atualmente só permite a entrada para a Rua de Jesus) passará também a ter dois sentidos, uma vez que a Rua Gervásio Lima verá o seu sentido de trânsito alterado, ou seja, passará a subir desde o Largo Dr. Teotónio M. Pires, permitindo-se a saída da cidade para o lado do cemitério ou virar à esquerda para a Rua de Jesus. Na Rua Gervásio Lima será também alterado o lado da faixa de rodagem destinado ao estacionamento automóvel.

Para não criar bloqueios à circulação, no cruzamento da Rua Comendador Francisco José Barcelos (rua dos Bombeiros e das escolas Vitorino Nemésio e Profissional), com a Rua da Artesia e Largo da Luz será construída uma rotunda, “solução que permite melhor mobilidade”, garante o Presidente da edilidade, confluindo para aí quatro vias todas com dois sentidos de trânsito.

No Largo da Luz serão eliminados os atuais espaços de estacionamento de autocarros de turismo que passarão para a rua da Artesia e proceder-se-á ao alargamento da via de acesso à Rua de Jesus, sendo feitas alterações também nos passeios em frente ao Lar D. Pedro V e o parque de estacionamento em frente ao Tribunal da Praia.

ALTERAÇÕES AO ESTACIONAMENTO

Na Avenida Beira-Mar será proibido o estacionamento automóvel, sendo criada, em alternativa, uma bolsa no terrapleno da Marina, na zona em frente aos bares (zona, aliás, prevista há 18 anos, aquando das obras ali realizadas, mas nunca destinada a esse efeito). Já no Largo José Silvestre Ribeiro (junto à GNR) serão também criados espaços de estacionamento reservados às operações turísticas com autocarros, praça de táxis (em período noturno) e estacionamento para pessoas portadoras de deficiência. Também na Rua do Hospital, nos cerca de 30 metros entre a Rua Constantino José Cardoso e a Rua da Alfândega, serão criados mais cinco lugares de estacionamento.

Outra alteração ao estacionamento prende-se com os espaços gratuitos de curta duração e com os espaços destinados a cargas e descargas. Segundo o Autarca, os espaços atualmente destinados a estacionamento gratuitos (sem parquímetros) de curta duração, “passarão de 15 para 30 minutos, sendo que estes espaços passarão a servir também para efeito de cargas e descargas, melhorando-se a fiscalização dos mesmos e aumentando-se as bolsas disponíveis”.

Por falar em cargas e descargas, o Conselho Municipal de Trânsito emitiu também parecer favorável às alterações propostas ao Regulamento de Trânsito da Praia da Vitória, tendo ficado certo que as operações de cargas e descargas de volume considerável na Rua de Jesus (onde serão instalados novos equipamentos), e como forma de proibir a mistura que se verifica, por vezes, de pessoas e viaturas, só serão possíveis entre as 19h00 e as 10h00 do dia seguinte. 

“Creio que estas alterações vão melhorar substancialmente a mobilidade para quem reside, trabalha ou visita a Cidade da Praia da Vitória”, afirmou Tibério Dinis, alertando que este plano agora proposto estará em discussão pública durante o mês de janeiro, esperando-se, em fevereiro, poder apresentar e aprovar, em Assembleia Municipal, estas alterações, para que elas possam ser implementadas no fim de semana da Páscoa de 2019.

GP-MPV/JP