Jornal da Praia

PUB

CONVÍVIO ANUAL DE DOADORES DE SANGUE DA ILHA TERCEIRA

Terça, 30 de Outubro de 2018 em Atualidade 46 visualizações Partilhar

CONVÍVIO ANUAL DE DOADORES DE SANGUE DA ILHA TERCEIRA

O Presidente da Câmara Municipal da Praia da Vitória, Tibério Dinis, afirmou, no domingo, dia 28 de outubro, a total disponibilidade da Autarquia praiense para colaborar com a Associação de Dadores de Sangue da Ilha Terceira, no intuito de sensibilizar a população mais jovem para a importância de dar sangue.

Discursando no convívio anual de dadores de sangue da ilha Terceira, numa sessão que decorreu no Clube Musical Angrense, Tibério Dinis realçou “o orgulho e a honra”, institucional e pessoal, de estar presente neste evento, uma vez que, disse, “estar aqui é marcar o espírito solidário destas mulheres e homens que ajudam a melhorar e até a salvar vidas de outros concidadãos, através das vossas dádivas de sangue”.

“Dar sem querer nada em troca e dar para ajudar quem mais precisa é digno de registo”, considerou, disponibilizando todo o apoio do Município praiense para “trabalhar em conjunto com a Associação de Dadores de Sangue a desenvolver ações de sensibilização junto das franjas mais jovens da população para que possamos daqui um ano ou dois ter mais juventude nestes convívios. Contem connosco para este trabalho”, afirmou.

Por outro lado, o edil da Praia da Vitória lançou também um desafio aos órgãos sociais da Associação de Dadores de Sangue: “Há muitos anos que este convívio anual não se realiza na Praia da Vitória, pelo que gostaria de deixar aqui a mensagem que a Câmara Municipal teria muito gosto em que este convívio possa vir a realizar-se, no próximo ano, na Praia da Vitória”.

Lançado o repto, Tibério Dinis participou do convívio, onde estiveram cerca de meio milhar de associados dadores de sangue da ilha, assim como personalidades como o Secretário Regional da Saúde, o Diretor Regional da Saúde, o Presidente da Câmara Municipal de Angra do Heroísmo, a Presidente do Hospital Santo Espírito da Ilha Terceira, responsáveis pelo Serviço de Sangue do Hospital, responsáveis pela SAUDAÇOR e representantes da Federação Nacional das Associações de Dadores de Sangue.

A ilha Terceira tem cerca de 1200 dadores de sangue, sendo que cerca de 500 são sócios da Associação de Dadores de Sangue, uma instituição de utilidade pública sem fins lucrativos, com a missão humanitária de proteção de vidas humanas por meio da doação desinteressada de sangue com fins terapêuticos a feridos e doentes.

GP-MPV/JP