Jornal da Praia

PUB

DELEGAÇÃO DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES NO CARNAVAL DA TERCEIRA

Terça, 13 de Fevereiro de 2018 em Atualidade 179 visualizações Partilhar

DELEGAÇÃO DA SOCIEDADE PORTUGUESA DE AUTORES NO CARNAVAL DA TERCEIRA

Um comunicado da Câmara Municipal da Praia da Vitória (CMPV), informa que “esteve presente na Ilha Terceira para assistir à atuação das danças, bailinhos e comédias do Carnaval da Ilha Terceira, uma delegação da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA)”.

Adianta o mesmo que a visita “decorreu a convite da CMPV e teve como objetivo o conhecimento e contacto in loco com a realidade do Carnaval da Ilha Terceira. O conhecimento das características únicas que o diferenciam, da sua singularidade, da dinâmica social associada, permite uma análise e interpretação muito mais fidedigna, da maior manifestação de teatro popular do País”.

Na visita, “a delegação da SPA estabeleceu contacto com autores, atores, músicos, responsáveis das salas de espetáculos do Concelho da Praia da Vitória e com a sociedade civil. Aspetos como a reserva na utilização das obras dos autores; a originalidade e adaptação de músicas utilizadas pelos grupos; a originalidade e criatividade das letras, textos e guarda-roupa; o facto dos elementos dos grupos assumirem integralmente as despesas sem nada em troca; a componente voluntária associada às direções das salas de espetáculos e as dificuldades do associativismo local; e a dinâmica social, cultural e espontaneidade da atuação dos grupos foram aspetos evidenciados junto da delegação da SPA”, esclarece a nota.

Enfatizando que “a CMPV entende que a SPA deve fazer um esforço pela manutenção desta tradição única no País”, é acrescentado que “da visita reside o compromisso da delegação diligenciar, junto dos restantes membros do conselho de administração da SPA, uma solução para o Carnaval da Ilha Terceira, pois assumem que trata-se efetivamente de uma tradição única. O compromisso é extensível à apresentação de uma solução que recolha o contributo dos agentes locais”.

O comunicado apresenta como expetativa da visita que “seja apresentada uma solução no decorrer do ano de 2018, para que o carnaval de 2019 decorra assente numa solução equilibrada e digna da importância histórica e cultural do Carnaval Terceirense”, finalizando reiterando que “a CMPV irá continuar a acompanhar este dossier, considerando a importância da preservação e valorização do Carnaval da Ilha Terceira”.

JP – Online