Jornal da Praia

PUB

35 Anos

Sexta, 14 de Abril de 2017 em Editorial 154 visualizações Partilhar

35 Anos

No passado dia 26 de Março do corrente ano, o Grupo de Amigos da Praia da Vitória, Associação Recreativa e Cultural, sem fins lucrativos, proprietária do Jornal da Praia, festejou o seu trigésimo quinto aniversário.

No próximo dia 29 de Abril deste ano, o Jornal da Praia celebra os seus trinta e cinco anos, o que demonstra porventura uma capacidade fantástica de resistir ao tempo, tendo em conta as dificuldades financeiras de que padece, e que também a região e o país atravessam e que não tem fim à vista.

Aprendi e estou sempre a aprender, na condição de director do Jornal da Praia, na forma como nos relacionamos no meio social, politico, cultural e religioso em que nos integramos, porque "aprender é conhecer mais e melhor, é fonte de saber e saber-fazer", tendo por nobre objectivo ultrapassar as dificuldades e resolver questões em que inevitavelmente nos confrontamos no nosso dia-a-dia, porque a aprendizagem é um recurso que “não tem fim, no mesmo caminho uns estão mais adiantados do que os outros. Só podemos ambicionar estar com os da frente”, o que nem sempre é fácil suceder.

É com grande sentimento de gratidão pelo Jornal da Praia e pelos seus colaboradores que aceitei há 14 anos dirigir este periódico é sem dúvida alguma foi uma das mais marcantes funções que desempenho em prol da cultura e do desenvolvimento das gentes do Ramo Grande.

Temos consciência da enorme responsabilidade que nos foi atribuída em presidir ao destino do Jornal da Praia, cuja acção tem sido determinante em tantos domínios essenciais ao desenvolvimento da nossa terra.

Suceder a directores prestigiantes como o Drº. João Maria Mendes, Drª. Cota Moniz e Drª Paulina Oliveira, além de ser uma honra e orgulho é também um dever de humildemente tornar ainda mais exigente esta missão que entenderam indevidamente atribuir-me, e fá-lo-ei com todo o sentido de missão e de dever, para que o nosso jornal seja uma realidade viva, na vida Terceirense.

Termino com as sábias palavras de Rafael Chirbes “que possa surpreender não por fazer melhor do que os outros; mas por fazer mais do que aquilo que acreditava ser o meu limite”.

O diretor,
Sebastião Lima
diretor@jornaldapraia.com