Jornal da Praia

PUB

TERMINOU MAIS UMA EDIÇÃO DA ONDA CULUTURAL DO CABO DA PRAIA

Terça, 29 de Novembro de 2016 em No Concelho 505 visualizações Partilhar

TERMINOU MAIS UMA EDIÇÃO DA ONDA CULUTURAL DO CABO DA PRAIA

As especificidades culturais de uma freguesia resultam do esforço e dedicação demonstrados pelas pessoas que integram as comunidades municipais, em prol da valorização das tradições que as caracterizam A ideia foi veiculada por Tibério Dinis, vereador da Cultura, no encerramento da Onda Cultural do Cabo da Praia, que decorreu na passada sexta-feira, 25, na Casa do Povo desta freguesia.

“O valor da cultura reside nas pessoas. São elas que se dedicam arduamente à manutenção das tradições locais, tornando-as genuínas. Estas especificidades enriquecem a diversidade cultural deste Concelho. Por este motivo, o Município da Praia da Vitória acredita na importância das comunidades que se mantêm ativas junto das novas gerações e apostam na divulgação do que melhor têm para oferecer aos turistas que visitam a nossa terra”, explicou o edil praiense.

“No âmbito do projeto de descentralização da cultura com enfoque nas freguesias do Concelho, a Onda Cultural do Cabo da Praia registou um franco crescimento nos últimos anos. A panóplia de atividades lúdicas e recreativas que constituíram estes quatro dias deve-se ao empenho das instituições locais, nomeadamente da Casa do Povo, do Império do Espírito Santo, da Igreja Paroquial e da Junta de Freguesia”, realçou.

Na ocasião, o representante municipal anunciou as três áreas que considera serem essenciais ao desenvolvimento económico da ilha Terceira, ressalvando a importância da freguesia do Cabo da Praia no crescimento das mesmas.

“O futuro da ilha Terceira passa por três pilares económicos, designadamente as Pescas, a Agricultura e o Turismo. Esta freguesia, que acolhe quem nos chega por mar, assume um papel fundamental na indústria agrícola e pesqueira e também a nível turístico. Para além da conhecida Praia da Riviera, existe também o património edificado, nomeadamente o forte de Santa Catarina, a Igreja e o Império, que muito dignificam a cultura do Concelho”, disse.

“Considerando o desenvolvimento socioeconómico do Cabo da Praia, apostamos, em parceria com a Junta de Freguesia, na criação de um projeto de âmbito turístico e de outro assente no prolongamento da Marginal até à Praia da Riviera. Estes projetos, que resultam de fundos comunitários, visam reforçar a qualidade de vida da população.”, adiantou.

O titular da pasta da Cultura deu a conhecer à comunidade um projeto turístico que visa a divulgação de vídeos promocionais das freguesias concelhias, defendendo que existem potencialidades em cada uma delas que devem ser promovidas.

“Cada freguesia apresenta especificidades únicas que devem ser realçadas junto de quem nos visita. Dar a conhecer as mais-valias de cada local enriquece a partilha de costumes. Deste modo, encontramo-nos a desenvolver vídeos promocionais das onze freguesias municipais, sendo o Cabo da Praia a primeira paróquia a integrar a nossa estratégia turística ”, referiu.

Segundo Mónica Brum, presidente da Junta de Freguesia ”o Cabo da Praia tem crescido nos últimos anos, através da concretização de projetos nas áreas da Educação, da Agricultura, do Desporto e do Lazer. Acredito que estamos a trilhar um caminho assente no progresso, apostando na concretização de atividades que aproximam as pessoas e reforçam os talentos da nossa freguesia”.

“Naturalmente, este percurso não seria possível sem o apoio da comunidade. Só é possível evoluirmos socialmente através da partilha de experiências e conhecimentos entre todos. Assim, devemos continuar unidos em prol de uma freguesia coesa e ciente do seu valor cultural”, referiu.

“Conto com o vosso apoio para continuarmos o trabalho necessário à promoção do Cabo da Praia, proporcionando uma maior qualidade de vida aos que cá vivem e aos que nos visitam”, concluiu.

No encerramento da onda Cultural foi apresentado o roteiro turístico da freguesia, onde foram dados a conhecer os pontos de interesse do Cabo da Praia.

Naquele que é o Dia do Cabo da Praia, a Junta de Freguesia homenageou ainda a Irmandade do Império do Divino Espírito Santo, instituição mais antiga do Cabo da Praia em atividade.

Nesta sessão, foram também entregues os certificados de participação às pessoas que integraram as atividades promovidas pela Onda Cultural e os prémios aos vencedores do Torneio de Sueca, do Bingo, e da atividade de "Geocaching".

A noite culminou com a atuação do Coro do Cabo da Praia.

GC-MPV/JP