Jornal da Praia

PUB

TIBÉRIO DINIS REALÇOU TRABALHO DO CNPV NA POTENCIAÇÃO DA BAÍA DA PRAIA DA VITÓRIA

Terça, 22 de Novembro de 2016 em No Concelho 649 visualizações Partilhar

TIBÉRIO DINIS REALÇOU TRABALHO DO CNPV NA POTENCIAÇÃO DA BAÍA DA PRAIA DA VITÓRIA

O vereador do Turismo da autarquia praiense considera que o Clube Naval local tem desempenhado um papel preponderante na valorização das potencialidades da baía da Praia da Vitória, através da concretização de iniciativas que promovam o desporto náutico e impulsionem o setor turístico no Concelho. Tibério Dinis intervinha na cerimónia de encerramento do Campeonato Mundial de Formula Windsurfing, que decorreu na noite de sábado,19, na Escola Profissional da Praia da Vitória.

“O evento constitui mais um exemplo do esforço e dedicação do Clube Naval na dinamização da nossa baía. Esta entidade tem efetuado um trabalho exemplar na promoção da identidade da Praia da Vitória, uma cidade virada para o mar”, destacou o responsável municipal.

“A realização de eventos desta natureza, além de fomentar a componente desportiva, vem alavancar o turismo na ilha Terceira e até na Região, elevando o bom nome da nossa Cidade, que representa um ponto de passagem obrigatório para todos os praticantes de atividades náuticas”, aludiu.

“É importante referir também a vertente da formação, uma área na qual esta instituição aposta fortemente a fim de estimular a prática de desportos ligados ao mar, envolvendo a comunidade”, disse.

“Gostaria de deixar uma palavra de apreço a esta associação que, ao longo dos anos, tem trabalhado com afinco para dignificar a nossa Baía e a nossa Cidade, superando todas as dificuldades com as quais se depara. Espero que continuem a trilhar este caminho de sucesso e a organizar iniciativas deste porte nas diversas modalidades, com o apoio do Município, que estará sempre disponível para vos ajudar a alcançar os vossos objetivos”, salientou.

Na sessão de encerramento, o edil praiense agradeceu ainda a presença de todos os participantes.

“A participação dos atletas é fundamental para a concretização desta prova. Sem vocês nada disto seria possível, por isso endereço um agradecimento especial a todos os que fizeram parte deste campeonato”, frisou.

“Não poderia deixar de agradecer também à Escola Profissional da Praia da Vitória por nos proporcionar este momento de convívio, demonstrando a hospitalidade que caracteriza o povo terceirense, bem como a todos os colaboradores e patrocinadores, que contribuíram para o êxito desta prova”, evidenciou.

Para José Mendonça, presidente do Clube Naval da Praia da Vitória, ”foi uma honra organizar esta iniciativa, que reuniu os melhores do mundo na modalidade de Formula Windsurfing, trazendo à nossa Cidade aproximadamente quatro centenas de atletas, oriundos de diferentes países, o que muito enobrece a Praia da Vitória.”

“O Campeonato Mundial de Formula Windsurfing está enquadrado na política de turismo do Governo Regional dos Açores pela grande projeção que este evento tem no exterior. Durante esta semana, a nossa página recebeu cerca de vinte mil visitas, o que demonstra a visibilidade da Praia da Vitória além-fronteiras. Espero que os participantes levem boas memórias deste local, incentivando familiares e amigos a visitarem a nossa Ilha e os Açores”, enfatizou.

Por seu turno, António Roquette, presidente da Federação Portuguesa de Vela, considera que a escolha da Praia da Vitória para a realização do campeonato se deve às características ímpares da sua Baía, que possui condições únicas para a prática de desportos náuticos.

“Gostaria de aproveitar a ocasião para promover a Vela nos Açores. Acredito que este é um local de excelência para a organização de provas relacionadas com esta modalidade, que conta com um número significativo de adeptos em Portugal”, afirmou.

O diretor regional do Desporto, António Gomes, congratulou todos os elementos do associativismo desportivo, que trabalham em prol do crescimento do desporto no Arquipélago.

“Permitam-me que lance um desafio de colaboração entre as diversas entidades de cariz desportivo, no sentido de conseguirmos potenciar esta componente. Só através da união de esforços entre o poder central e regional, as federações, as associações e os clubes poderemos promover o desenvolvimento do desporto, reforçando a qualidade de vida e bem-estar da nossa população”, assegurou.

Durante a sessão de encerramento, foram ainda entregues os prémios aos respetivos vencedores, tendo o primeiro lugar sido atribuído ao francês Alexandre Cousin; a segunda posição foi ocupada pelo germânico Sebastian Koerdel; e o terceiro classificado foi o holandês Casper Bouman. No escalão Master, o primeiro, segundo e terceiro lugares couberam a Miguel Martinho, de Portugal; Janis Preiss, proveniente da Letónia; e Steve Allen, oriundo da Austrália, respetivamente.

O italiano Marco Begalli venceu a categoria de Grandmaster, tendo ficado na segunda posição o terceirense Marco Soveta. No que concerne ao escalão feminino, o primeiro lugar foi alcançado pela algarvia Margarida Morais.

O Campeonato Mundial de Formula Windsurfing decorreu entre os dias 12 e 19 de novembro, na Baía da Praia da Vitória.

GC-MPV/JP